A Noite de Natal | 17Ago2011 16:06:12

 

-São quase dez horas e o teu paizinho ainda não chegou do trabalho para se pôr a mesa.

Valha-me Deus, possivelmente talvêz esteja a agasalhar-se da chuva, para aí, num canto qualquer.

-Ò mãezinha, ela não está pra parar...

-Pois não meu filho, tu não queresir ver se o vês?

-Vou sim, já estava a pensar nisso.

-Olha, mas antes, vai-me buscar um braçadinho de lenha ao quintal, para se pôr a secar à lareira.-Pronto mãezinha, aqui tem a lenhinha, até já, até já meu filho, levas o capote contigo? –Levo sim, e a lanterna também, porque não há luz nenhuma na rua.

-Enfim, ainda há quem diga que não há aflitos?

Por mim, nasci pra ser escrava do meu relógio.

Parece-me que estou a ouvir o meu cãozinho a uivar! Se for, são os meus desgraçados a chegar?

São eles, são. Ó meu Deus, devem vir todos molhadinhos, vou-lhes abrir a porta, não a correr, porque infelizmente, as pernas já não me deixam.

-Boa noite Luzinha. –Ò meu querido, a noite não vai nada famosa. Tirem essa roupinha fora porque isso é uma doença e vistam esta, enquanto vou pôr a mesa.

-Mãezinha, chegaram aqui os irmãos humildes cá da terra! –Manda-os entrar, a nossa mesa é pobrezinha, mas sempre chegou pra essa gentinha.

Agora vai um cafezinho, não vai? – Pois claro, tenho também uns biscoitinhos, que ontem me ofereceram, para acompanhar.

Vou deixar a cafeteira à lareira, para estár sempre quentinho.

Lembran-se, deste capote velhinho? –Era o, do seu paizinho, muitas, muitas vezes, o chegamos a ver com ele pelas costas a fazer versos no pinheiral, mas achamos, que o povo cá da terra não chegaram a ver as lindas mãos que ele tinha!

-Mas será, possível isso?

-Achamos que sim, luzinha.

Podemos cá voltar para os Reis?

-Então porque não, as portas estão sempre abertas, a qualquer hora.

Mas não me digam, que os vêm cá cantar!

-Sim, sim, e com os versos, que o seu paizinho nos ofereceu.

-Não querem lever convosco a lanterna, sabem que faz muito escuro na rua! –Não, não, luzinha, conhecemos bem o caminho.

-Até à próxima, vão lá, com a graça de Deus nosso Senhor.



Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (744)

1 a 1 de 1 Primeiro | Anterior | Seguinte | Último |
Procura
Painel controlo
  • Email:
  • Palavra-passe:
  • Lembrar dados
  • Ir administraçào


Idiomas
Sondagens
Gosta Do Surrealismo?
Sim
Não
Não sei o que isso é
Outras Visitas

lusopoemas

poesia

as-artes

afmach

rodinha26

gov

7pecados
Últimas Galeria





Anedotas
Um senhor entra numa loja do Alentejo muito aflito e pergunta:
- Tem WC?
Ao que o dono responde:
- Nã senhor, cá na terra só se fuma SG Filtro.
Visitas Recentes